Thursday, February 18, 2010

:: Bye, bye Mac OS ::

Sim, eu sei que este post está atrasado. Culpa de quem? Em parte minha. Quem mandou trocar de emprego, mudar de cidade, etc e tal né? Mas principalmente, quem mandou eu ter gasto mais de mês brincando/testando o Mac OS X? Do que estou falando? Do que virá no próximo post: teste do KDE-4.4.0

Então pra começo de conversa, a principal culpa foi do Mac OS... ou ... bem, minha culpa por ter querido testá-lo. O referido SO (Sistema Operacional, ou Operating System (OS) para os leigos/não nerds) é bom sim. Para usuário final QUE NÃO TRABALHA COM NERDISSES SUPREMAS, como Sys. Admin ou coisas do gênero, é muito bom. Entretanto, algumas coisas estavam começando a me incomodar. Pra começo de conversa o lance de não ter um "recortar" arquivos/pastas era algo bem irritante. Em segundo vem a viadagem de tudo que eu queria deletar (arquivos/pastas) tinham primeiro que ser enviados para a lixeira, para então ter que a esvaziar. Em terceiro vem o problema do Finder não conseguir fazer conexão direta com servidores de SFTP. Aham, tentei dar um "sftp://servidor" e não rolou. Claro, os MacManíacos (ou MacFags, como a MissFatal diria) vão torcer o nariz e dizer que estou de má vontade para com o SO, que isso, que aquilo, bla bla bla. Então lembrem-se, o SO de vocês (que vocês usam) é muito bom, mas tem defeitos, pelo menos na minha opinião (e de várias outras pessoas que não são meros zealots.

Todos os problemas que eu enfrentei no Mac OS eu não enfrento no Linux, por exemplo. Posso abrir o Dolphin e meter um "sftp://servidor" que vai que é um dodge; posso recortar arquivos/pastas; posso deletar arquivos/pastas diretamente com um "shift+delete". Pra que deletar direto? Bom, eu sou o tipo de pessoa que quando quer deletar algo... QUER DELETAR ALGO. A parte do "será que eu deleto? será que não deleto? será que vou precisar amanhã?" acontece ANTES de eu resolver deletar alguma coisa. Depois que resolvi é tchau mesmo. Claro, costumes/hábitos são algo que influenciam nossas opiniões, mas eu sinceramente acho uma perda de tempo ter que fazer duas ou três ações para deletar um arquivo, quando eu posso fazer apenas uma. O mesmo vale para o "recortar". Nesses dois pontos o Mac OS deixa a desejar, HÁ ANOS. É, há anos! Pois o tal SO existe há um tempão (mesmo que ainda não fosse o X) e ainda não implementaram algo do gênero?

Pontos positivos do Mac OS:

1- o ambiente gráfico (aquelas telas bonitinhas que a gente vê, usa mouse, etc) roda sobre um SO BSD. Só nisso ele já é "mais melhor" que o Windows. Mais seguro, mais estável, bla bla bla;
2- o ambiente gráfico é realmente muito bonito. A meu ver é mais bonito que qualquer versão do Windows, que é claro, a M$ vem tentando copiar a "cara" do Mac OS há um bom tempo;
3- a integração dos aplicativos com o SO (e mesmo entre eles) é muito boa.
4- o SO é rápido (pelo menos nos meus hardwares rodavam muito bem) e leve.

Pontos negativos do Mac OS:

1- o SO não pode ser usado, legalmente, em um hardware não-Apple;
2- todos aqueles defeitos que eu citei anteriormente (recortar, deletar, sftp...) e mais o "problema" de que se eu estou com uma janela aberta, digamos do Finder, e atrás dessa eu tenho o Adium (programa de IM), quando eu minimizo o Finder, o foco não vai automaticamente pra próxima janela, ele fica preso ao aplicativo que eu estava usando. Para os leigos: janela 1 está na frente da 2; eu minimizo a janela 1 e ao invés de já poder sair digitando um texto, por exemplo, na janela 2, eu preciso clicar com o mouse na janela 2, para então poder fazer alguma coisa com ela. (Nesse ponto o Windows deixa a desejar algumas vezes também)
3- se tem como eu não achei. Vira e mexe eu preciso deixar uma janela "flutuando" sobre as outras. Pra que isso? Ué, eu quero ver o texto/imagem que está numa janela e quero fazer algo referente a ela na janela de baixo. Bom, no Windows e no Mac OS o cara precisa ou ficar trocando de uma janela pra outra (via mouse ou via "alt+tab") ou então deixar as duas janelas "lado a lado". No Linux eu posso dizer para que uma janela fique sempre sobre as outras (até eu "desdizer") e ir fuçando nas debaixo.

Muito bem. Sim, os "defeitos" que eu achei poderão ser usados contra mim no tribunal, sei bem disso. Gosto é gosto, mal gosto não se discute, bla bla bla. "Ah, mas é que tu estás acostumado a usar o PC de um jeito, o Mac OS foi feito pra ser usado de outro..." Usem os argumentos que quiserem. Minha idéia não é malhar o Mac OS ou a Apple (se bem que ela tá merecendo por aquela bosta de iPad), mas sim mostrar às pessoas que há diferentes SOs por aí, diferentes maneiras de se usar o PC, sugerir melhorias nos SOs para que os usuários saiam ganhando, etc.

Bom, no próximo post eu falo sobre o KDE-4.4.0 então, porque agora já está tarde e se eu não for "mimir" a minha esposa me enche de porrada.

2 comments:

Arllen Victor said...

Post de Fevereiro. 10 meses depois...

Cara, eu achei que eu era burro ou muito birrento. Mas quando fiz um "hackintosh" no meu velho P4 3.0 HT de guerra tive as mesmas "dificuldades" que voce.

Sempre usei o SO da M$, e de 2005 pra ca encontrei a "luz volkerdiga" hehe

Adorei o MAC OS X. A integração dos softwares com o sistema é maravilhosa, coisas que não vemos muito no linux (está melhorando agora). Porém, a mesma falta que voce teve de janelas sempre no topo, recortar/mover e deletar arquivos diretamente eu tive e isso reduziu bastante a minha produtividade.

Voltaria a usar o MAC? voltaria, mas como SO secundário.

Abraço!

Kenjiro said...

Pois é, no meu caso o SO secundário é o Windows, única e exclusivamente por causa da jogatina hehehehe